França – Roteiro de Viagem de 10 dias

Moustiers St Marie

Dia 1: Paris

No primeiro dia dá tempo de conhecer os 5 pontos turísticos abaixo:

  1. Place de la Concorde
  2. Jardins das Tulherias
  3. Arco do Triunfo
  4. Torre Eiffel
  5. Sacré Coeur

Você pode dedicar mais ou menos tempo para as atividades e incluir mais coisas nesse dia ou remover algumas se estiver cansado. Recomendo comprar ingressos para ver a Torre Eiffel e subir no Arco do Triunfo com antecedência.

Dia 2: Versalhes

Orangerie
Orangerie
  1. Jardins do Palácio. Veja na foto abaixo que são lindos! Eu fiquei umas 3h lá
  2. Interior do palácio com audioguia (+-2h e 30min no meu caso)

Dia 3: Paris

Manhã:

  1. Ver o Panteão por fora (ou entrar, se quiser)
  2. Igreja St Etienne du Mont (Igreja do filme Meia Noite em Paris)
  3. Jardim de Luxemburgo (famoso pelo livro Os Miseráveis)
  4. Igreja Notre Dame (famoso pelo filme O Corcunda de Notre Dame)
  5. Passear pelo bairro do Marais
  6. Galeria Lafayette – Você pode subir de graça no terraço e ver a vista da cidade

Noite:

  1. Passeio às margens do Senna
  2. Pont Neuf
  3. Torre Eiffel à noite no Jardim do Trocadéro

Se possível, tente subir na Notre Dame. Eu não fui, mas pretendo ir um dia e ver as gárgulas mais de perto.

Dia 4: Paris

Museus! Tem muitos museus legais em Paris, você pode escolher um ou dois e fazer um dia de muita cultura.

  1. Museu do Louvre
  2. Museu do Rodin
  3. Musee D’Orsay
  4. Centro Pompidou
  5. Museu Picasso
  6. Museu do Quai Branly
  7. Museu de Artes Decorativas
  8. Petit Palais
  9. Grand Palais
  10. Museu da Orangerie
  11. Grande Galerie de l’Evolution
  12. Museu das Forças Armadas
  13. Museu Carnavalet

No primeiro domingo do mês vários deles são gratuitos. Eu fui nos dois primeiros da lista e, com algumas estratégias usando a entrada lateral, foi possível entrar tranquilamente com pouca fila.

Dia 5: Marselha

  1. Château d’If – Fiquei umas 2h no museu que já foi uma prisão
  2. Ilhas Frioul – Ficamos mais 4h na praia e percorrendo as ilhas. O local é lindíssimo e você poderá ver a linda formação das Calanques.

Como fomos no verão, foi muito bom aproveitar as praias. Acredito que o destino é lindo mesmo em outras épocas.

Custo do passeio: 16,2 euros o barco + 5 euros a entrada do Castelo.

Dia 6: Marselha

Fiz uma trilha desenhada por mim nas Calanques de Marselha.

1. Vá no office tourisme de Marselha e pegue o mapa. Só com ele você entenderá a marcação da trilha.

2. Vá de carro ou ônibus até o início da trilha na Calanque de Calleolongue

3. Calanque La Mounine

4. Calanque Marseillevreye

5. Calanque des Queyrons

6. Calanque Podestat

7. Calanque L’Escu

8. Calanque Sormiou

9. Saída pelo ponto de ônibus Les Baumettes

Dicas: Leve água e comida, pois não há nada no local. Esse roteiro tem 8km, mas existem várias opções de trilhas menores e também lindas.

Dia 7: Marselha

  1. Basilique Notre Dame de La guarde
  2. Abadia São Victor
  3. MuCEM
  4. Eglise Saint Laurent
  5. Cathedrale La major
  6. Porte d’aix

Todos os locais são grátis! Fizemos tudo com o ônibus de número 60 ou a pé.

Dia 8: Gorges du Verdon

Para essa parte do roteiro alugamos um carro saindo de Marselha. Se não quiser dirigir, pode ir de trem até Nice e pular essa parte.

  1. De carro, saímos de Draguignan, onde dormimos no dia anterior, e fomos para Trigance
  2. Dirigimos pela Route des crêtes com cenários lindos e muitos mirantes
  3. Paramos no Lac st croix
  4. Visitamos a belíssima cidade de Moustiers Saint Marie
  5. Finalizamos com a bela cachoeira Sillans La Cascade.

Dia 9: La Croix Valmer

Se quiserem um conselho: FAÇAM A TRILHA DO LES 3 CAPS! PONTO ALTO DA VIAGEM.

  1. Paramos o carro na Plage Gigaro em La Croix Valmer e fizemos a trilha até a Plage du Brois
  2. Dirigimos até Antibes , depois Cannes e por fim St Tropez

De La Croix Valmer até a Plage du Brouis ea trilha toda é linda e margeia a praia. A água era tão cristalina que parecia vidro derretido.

Saindo de La Croix Valmer passamos nos demais destinos até chegar em Nice.

Dia 10: Nice

  1. Basilique Notre Dame de Lassomptoin
  2. Fontana du soleil
  3. Promenade du Paillon
  4. Fontaine Miroir d’Eau
  5. Colline du Chateau
  6. Place Massena.

Há opções de walking tours de graça com roteiro parecido ou pode fazer tudo a pé sozinho que também é de graça.

O que fazer com mais dias?

Próximo a Nice você pode visitar Èze e Mônaco ou outras belas cidades ao redor. Eu na verdade fiz duas viagens separadas para a França e uni as duas experiências em uma aqui. Se quiser ler o relato completo com muito mais detalhes, temos esse roteiro aqui com Itália, Alemanha e Holanda e aqui com Espanha e Itália no verão.

Onde se hospedar

Paris:

L’ouest – preço bom e bem localizado

Ibis Budget – bom custo-benefício para o dia da chegada/saída do vôo

Marselha:

Ibis Styles Vieux Port – bem localizado, limpo, silencioso e tinha um bom café da manhã.

Verdon:

Airbnb Chambre Privee entre mer et lacs – maravilhoso Airbnb com anfitriões super simpáticos.

Nice:

Ozz By HappyCulture – bom atendimento, próximo ao trem, mas bem barulhento.

Onde comer

Paris

Chez Gladines – comida é bem servida e tem um bom vinho

Esta imagem possuí um atributo alt vazio; O nome do arquivo é img_20170930_134339067.jpg
Chez Gladines

La Flotille – opções de Omelete com salada a partir de 8 euros muito bem servido dentro do Jardim de Versalhes

Esta imagem possuí um atributo alt vazio; O nome do arquivo é img_20170929_131803469.jpg
La Flotille

Le Train Bleu – refinado e caro, mas muito gostoso. O ambiente é lindo!

Esta imagem possuí um atributo alt vazio; O nome do arquivo é 20170929_210528.jpg
Sobremesa no Le Train Bleu

Marselha

Café BOVO

Café Bovo – atendimento incrível, almoço delicioso e serviço ultra-rápido.

L’adict – comemos entrada, prato, sobremesa e vinho por 15 euros.

La Gourmande – ótimo lugar para provar Navettes e Calisson, os biscoitinhos locais.

Draguignan

La Boite a Crepes

La Boite a Crepes – ótimas opções de crepes e vinhos locais

Le Relais (Moustiers St Marie) – comemos um filé suíno com salada e batata frita que estava delicioso.

Nice

Socca no Chez Pipo

Le Saint Gerain – culinária das ilhas Maurício com vinho e peixe deliciosos.

Restaurant China – preços baixos, boa comida e ótimo atendimento.

Chez Pipo – especializado em “socca”, prato tradicional local feito com grão de bico

Câmbio

DG Câmbio será sempre minha recomendação, ocasionalmente o Cotação consegue fazer preço igual ao da DG por telefone.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s